Resenha: A Rainha Vermelha - Victoria Aveyard

Resultado de imagem para a rainha vermelha victoria aveyard
Título do livro: A Rainha Vermelha
Autor(a): Victoria Aveyard
Número de páginas: 419
Editora: Seguinte
Sinopse: O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses. 
 Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso… Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho?   
 Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe — e Mare contra seu próprio coração.



 Resenha: Mare Barrow é uma garota vermelha, nascida numa família vermelha. Eles vivem em Palafitas e fazem o que podem para poder sobreviver, devido à pobreza. Mare não tem um emprego e por isso vive de pequenos roubos que realiza no vilarejo onde vive. Sua família, obviamente não se orgulha nada disso mas é questão de tempo até a garota ir para a guerra quando completar 18 anos.

 Diferentemente dos vermelhos, os prateados como o próprio nome diz, possuem sangue prateado e não é apenas isso que os diferencia. Eles tem poderes especiais -como controlar a mente das pessoa e manipular o fogo, por exemplo- e isso faz com que tenham total liderança sobre os vermelhos e com que tenham todo o luxo e conforto que desejam, como verdadeiros nobres.  

"Acho que os prateados gostavam disso, então começaram as lutas. Não para matar, mas para divertir."

 Esse sistema além de totalmente injusto, é autoritário e exploratório, uma vez que os vermelhos vivem para servir aos prateados. Mas essa é a única vida que Mare conhece e tenta a todo custo melhorar sua situação e de sua família, ainda que um pouquinho.

 Porém, num encontro inesperado com um rapaz misterioso, Mare Barrow acaba ganhando um emprego como criada no palácio de verão do rei. A partir de então, a garota passa a viver no palácio e conviver de perto com os nobres prateados que tanto abomina e detesta, devido à sua arrogância e crueldade.

"Para quê a nobreza precisa de arena, não sei bem. No vilarejo ela apenas é usada para as Efemérides, para assistir às lutas de prateado contra prateado. Este chão nunca será manchado de sangue."

 Mare é designada para trabalhar durante a Prova Real, um evento que reúne garotas prateadas que representam as Grandes Casas nobres, onde cada uma irá demonstrar seus poderes e a escolhida vai se tornar noiva do príncipe mais velho. Tudo corria da melhor forma possível, até que Mare acaba caindo na arena onde ocorria a exposição dos poderes das prateadas e acaba sendo salva por um poder seu, que não conhecia. A cena choca a todos, uma vez que Mare é uma vermelha e isso seria impossível de acontecer.

 Para evitar mais escândalos, o rei e a rainha obrigam Mare a fingir ser uma nobre prateada de uma Casa extinta há muito tempo, e inventam uma história que a garota vai ser obrigada a seguir. Para piorar, prometem a menina como noiva de um dos príncipes e designam um quarto para ela no palácio.

"Só que isto não é um conto de fadas, nem mesmo um sonho. É um pesadelo. Vou passar o resto da vida presa, forçada a ser outra pessoa. Forçada a ser um deles. Um fantoche. Um espetáculo para manter o povo feliz, quieto e oprimido."

 Entre as tentativas de encobrir seu sangue vermelho e descobrir mais sobre seu próprio poder, Mare descobre que a nobreza prateada pode ser mais cruel do que pensava, a existência de um grupo rebelde que quer acabar com a monarquia e que ninguém é digno de confiança, que todos possuem seus próprios sombrios e obscuros segredos.

 A Rainha Vermelha é uma leitura incrivelmente intensa e repleta de reviravoltas. A sinopse e a temática apesar de terem uma certa semelhança com A Seleção, são suposições que se tornam totalmente errôneas após a realização da leitura. A história de Victoria Aveyard tem zero romantização, tanto em relação aos personagens, quanto à narrativa em si.

 "Finalmente entendo a lição: todo mundo pode trair todo mundo."

 Ainda falando sobre os personagens, é importante destacar que nem tudo é o que parece ser, e Victoria faz questão de construir os participantes dessa narrativa de uma forma bem real e verdadeira: todos possuem defeitos e se você acha que vai encontrar alguém perfeito e maravilhoso nessa narrativa, é melhor desistir dessa ideia.

 Mas o principal ponto a ser destacado nessa resenha, são os capítulos finais. As páginas se enchem da mais pura tensão e o desenrolar dos acontecimentos quebra todas as nossas expectativas. Todas mesmo! O livro tem um plot twist enorme e o final deixa inúmeros ganchos a serem resolvidos, que ficaram para o livro que vem em sequência.
 

Classificação:


26 comentários:

  1. Olá, Laura.
    Eu li esse livro depois de uma ressaca literária brava e amei ele. E não acreditei quando foi revelado o traidor. Doeu hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil! Aconteceu a mesma coisa comigo! Após um longo tempo sem ler nenhum livro (e comprar também, acabei achando A Rainha Vermelha e amei demais ♥ Também fiquei passada e não superei isso até hoje! Dói demais haha

      Excluir
  2. Oi Laura!
    Eu tenho esse livro mas ainda não li, acho que vou gostar tbm!
    Pelas resenhas q leio, o pessoal diz que é uma mistura de várias outras histórias, mas contanto que dê certo até o final né, tô nem aí, hahah
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com -> tem SORTEIO DE LIVROS rolando no blog ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! Sério? Leia sim! Se você gosta de livros com muitas reviravoltas e aventuras, acredito que vá gostar desse :)
      Nunca li nenhuma resenha dele, e a única comparação que vi foi com A Seleção mesmo haha vou procurar mais sobre isso depois. Na minha opinião deu super certo e a história ficou maravilhosa!

      Excluir
  3. Achei bem interessante.

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  4. Oi
    que bom que gostou da leitura, lembro que teve uma época que a maioria das resenhas que lia desse livro era negativa, quem sabe eu leia, estou precisando ler livro do gênero.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Denise! Sim foi uma experiência literária muito boa ♥ Poxa, sério? Eu nunca li nenhuma resenha a respeito, mas achei uma surpresa esse fato. Eu particularmente gostei bastante! E se vier a lê-lo, espero que goste também :)

      Excluir
  5. Parece interessante, coitada da vermelhinha mano '-' e ainda obrigam a fazer na coisa que ela não quer. Mds

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ester! É bem legal mesmo :) E sim, dá uma pena da Mare! Ela sofre bastante ao longo da narrativa.

      Excluir
  6. Oiii Laura

    Eu li essa série até o terceiro, ainda falta o último e gostei bastane da escrita da autora, da evolução de cada personagem (exceto o Cal porque não gosto dele...rsrs) e quero muito ler logo o último, pra saber como termina tudo (ao mesmo tempo me dá um medinho porque a Victoria não tem dó). Fico feliz que vc tenha gostado da leitura, espero que os próximos tb te encantem

    Beijos, Ivy

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii, Ivy! Por enquanto só li o primeiro mesmo mas não vejo a hora de continuar a série! Levei alguns spoilers (felizmente ou infelizmente?) e fiquei sabendo da evolução de alguns personagens que me deixaram bem surpresa e curiosa! Olha minha relação com o Cal até o momento é neutra, pois ainda não superei o que o irmão fez então não confio nele também haha. É verdade! A Victoria é muito má mesmoo!!! Morro de medo também!!
      Se as sequências forem tão boas quanto o primeiro, tenho certeza de que vou amaar ♥

      Excluir
  7. Oi Laura,
    Acredita que eu não consegui me envolver com essa série?
    Não sei o motivo exato, mas a protagonista me irritou demais e não conseguia gostar da história. Uma pena, mas tenho o livro ainda aqui porque amo a capa, rs.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alessandra! Poxa, sério?? A leitura foi muito mais intensa e sombria do que eu esperava, mas mesmo assim eu gostei muito e não vejo a hora de ler as sequências! É uma pena mesmo que a sua experiência não tenha sido boa, mas acontece né :) A capa dele é maravilhosa! É o livro mais lindo que tenho, sem sombra de dúvidas ♥

      Excluir
  8. Eu ainda não li esse livro, mas sempre leio críticas positivas. Adorei sua resenha, Laura <3

    Beijo
    http://www.leiapop.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna! É um livro muito conhecido mesmo e eu particularmente, amei ♥ Que bom que gostou da resenha!

      Excluir
  9. Oi, Laura!

    Acho que nunca vi uma resenha negativa desse livro hahaha e mais por conta da fama eu tenho curiosidade de ler, não pela história em si, que já não me atrai tanto. Adorei a sua resenha e os pontos que você ressaltou, sem dúvidas é uma obra muito bem escrita e desenvolvida!

    xx Carol
    https://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! Várias pessoas comentaram a mesma coisa por aqui, e confesso que nunca li nenhuma resenha haha só ouvir falar mesmo as pessoas elogiando. Comigo foi os dois casos: me interessei pela fama dele e de ouvir outras pessoas elogiando.
      Fico feliz em ver que gostou da resenha e você conseguiu resumir o que tentei passar na resenha: é uma obra muito bem escrita e desenvolvida! ♥

      Excluir
  10. Oi
    Eu já até comentei aqui, muitos leitores comparavam esse livro com vários outros, mas no decorrer da serie as resenhas foram ficando positivas, espero que também goste do segundo.

    http://momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Denise! Sim sim verdade, vi muitas comparações com A Seleção mas não tem nada a ver mesmo haha Também espero gostar do segundo ♥

      Excluir
  11. Olá,
    Eu não costumo ler muitos livros desse gênero, mas é uma premissa que me deixa curiosa. Me soa que há pontos supreendentes.
    Adorei a questão da construção da autora e curiosa com esse capítulos finais aí.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nana! Ah sim entendo, eu particularmente já amo esse gênero literário haha. Fico feliz em ter conseguido deixar isso nas entrelinhas da resenha, porque é exatamente isso! Tem muuitos pontos surpreendentes!! Os capítulos finais são os melhores e se for lê-lo, já adianto para preparar o coração pois as emoções são fortes haha :D

      Excluir
  12. Bom dia,

    Ainda não li nada da aurora e os comentários que leio são sempre positivos, um dia vou conhecer, ótima resenha.

    PS: Não sei onde segue o seu blog....bjs.


    https://devoradordeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde! Que bom que gostou da resenha ♥ é um livro realmente muito bom e eu amei a escrita da autora!
      Para seguir o blog é só clicar no botão seguir ali do lado, no gadget Seguidores (lado direito) :)

      Excluir
  13. Oi Laura,

    Adorei a resenha!
    Eu li esse livro quando lançou e adorei a trama.
    Depois li o segundo e achei mais ou menos. Eu preciso ler os outros para finalizar essa série.

    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Conheça o Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jessica! Que bom que gostou ♥ Vi muita gente falando que não gostou do segundo e estou até com um medinho, confesso haha. Mas mesmo assim, também pretendo finalizar a série :)

      Excluir

Oba! Leu o post e quer comentar? Fico muito feliz em saber! Não se esqueça de deixar o link do seu blog e/ou site para que eu possa retribuir.
Comentários como "Amei seu blog, sdv?" serão ignorados! Leia o post e seja gentil ♥