Resenha: Inferno no Colégio Interno - Lemony Snicket (Desventuras Em Série)



Título do livro: Inferno no Colégio Interno

Autor(a): Lemony Snicket

Editora: Seguinte

Número de páginas: 200

Está disponível no Kindle Unlimited? Não!

Sinopse: Nada de aventuras emocionantes com final feliz: Violet, Klaus e Sunny Baudelaire são legais e inteligentes, mas a vida deles está repleta de má sorte e infelicidade. 

Em Inferno no colégio interno, os três irmãos enfrentam caranguejos, provas hiper-rigorosas e os castigos de um internato. O colégio se transformou em mais um desastroso episódio de suas vidas horríveis. 

Desta vez, eles precisam escapar de fungos gotejantes e assistir a recitais de violinos, além de entender o complicado sistema métrico e suportar os exercícios de D.O.R. Violet, Klaus e Sunny têm o poder de atrair desgraças.

Quem gosta de histórias alegres não deve nem abrir este livro, avisa o autor, pois as histórias dos Baudelaire são sempre uma desventura pior do que a outra.

 

Resenha:  Após terem sido expulsos da Serraria Alto-Astral no volume anterior (leia a resenha dele aqui), os órfãos Baudelaire agora são enviados para a Escola Preparatória Prufrock. 


 No início eles se animam com a ideia! Desde o falecimento de seus pais, não puderam estudar e logo se mostram animados com a possibilidade de voltar à escola. Isso até eles descobrirem que o lema da instituição é 'Memento Mori, que em latim se traduz "Lembra-te de que Morrerás".


"Você, leitor, sabe muito bem que uma boa noite de sono ajuda a ter um bom desempenho no colégio, e, se você é estudante, deveria cuidar para ter sempre uma noite bem-dormida — a não ser que esteja num capítulo interessante do livro que está lendo, e nesse caso o melhor é ficar acordado a noite inteira e que se dane o aproveitamento escolar."


 Mas isso era apenas um presságio do que nossos desafortunados personagens iriam enfrentar. Além de um vice-diretor nada talentoso, teriam que lidar com as provocações de uma garota mimada chamada Carmelita Spats e morar num barraco cheio de caranguejos e fungos. Sem falar nas aulas extremamente insuportáveis e nada educativas.

 

 Pelo menos os Baudelaire dessa vez não estão tão sozinhos, já que acabam conhecendo os trigêmeos Quagmire: Duncan e Isadora. O outro irmão Quigley pereceu num incêndio que destruiu a mansão Quagmire e levou seus progenitores junto. Uma estranha coincidência.


"Os órfãos Baudelaire haviam encontrado amigos, e, enquanto estavam na biblioteca com os trigêmeos Quagmire, o mundo pareceu-lhes mais familiar e mais seguro, sensação que não experimentavam fazia muito, muito tempo."


 

 Porém o pior ainda estava por vir, na forma do novo professor de Ed. Física do colégio: o treinador Genghis (ou devo dizer, Conde Olaf?). As sessões de D.O.R (Disciplina para Órfãos Rápidos) se tornaram uma verdadeira tortura, e escondem um plano mortal por trás dessa fachada...

 

 Inferno no Colégio Interno é um dos meus livros favoritos da série. Afinal, é por meio dele que os mistérios em torno da C.S.C vão criando forma, deixando espaço para a formulação de teorias e perguntas.


"Quando o homem se apresentara como o instrutor Genghis lhes retribuiu o olhar com os olhos muito, muito brilhantes, os órfãos Baudelaire desejaram mais do que qualquer outra coisa que suas pernas pudessem levá-los para longe, para bem longe daquele homem que na verdade era o conde Olaf."

 

 A presença dos trigêmeos Quagmire é um alívio para o sofrimento dos Baudelaire, e admiro muito a relação de lealdade e amizade que eles tem! Além de serem igualmente inteligentes e igualmente perseguidos pelo Conde Olaf. Que continua a me surpreender no quesito maldade!!


 E não posso deixar de citar a minha personagem favorita, Carmelita! Ela é insuportável e icônica ao mesmo tempo haha. Não consigo odiá-la! Além do mais, a Escola Preparatória Prufrock como ambiente principal tornou a leitura ainda mais rápida e divertida. 


"Se vocês tivessem que dar uma medalha de ouro para a pessoa mais detestável do mundo, certamente o prêmio iria para Carmelita Spats, e, se vocês não lhe dessem a medalha, Carmelita Spats era o tipo de pessoa que a tomaria de qualquer maneira."

 

 

 Mas como já de se esperar, nada dá certo para os Baudelaire e novamente eles se encontram em outras situações preparadas pelo destino. Só nos resta aguardar pelos próximos capítulos dessa desventura!




13 comentários:

  1. Eu tenho essa série quase completa aqui em casa, mas ainda não li. Eu amo o filme com o Jim Carey e a série que fizeram, mas não sei ainda o que vou achar de ler as desventuras... Acho que, por isso, eu enrolo para ler... rs
    Bjks!
    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
  2. Eu comecei a ler ha alguns anos, mas eu não terminei :(
    adoro o nome da disciplina em portugues KKKK D.O.R. kkkkkkk
    Eu acho interessante como eles se metem em cada enrascada! E tem muito mais por vir ainda!

    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
  3. Oi, Laura como vai? Esta desventura em série é muito boa mesmo, embora haja livros que não são tão agradáveis de serem desbravados. Este aí é um dos melhores desta série. Adorei sua resenha. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Que legal ... Gostei muito da sua resenha... Ainda não conheço esse livro
    Beijinhos
    Cátila Santos

    ResponderExcluir
  5. Eu não conhecia mas amei a sua resenha e já estou procurando os outros livros, dica anotada.
    Já quero ler e vou procurar.
    Beijos.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Eu amo essa série, e com certeza a Carmelita é o personagem que a gente adora odiar.
    Eu só odeio o fato dos irmãos nunca se darem bem em lugar nenhum, eu sei que é a jornada, mas me estressa.
    beijos
    http://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Quando eu li esse livro e notei o lema da escola eu ri muito, por que fiquei pensando que lembrar que vai morrer não é motivação pra nada, muito menos pra estudar né?! Haha.
    Gostei desse número da série e concordo contigo, há bons mistérios aos poucos tomando forma em revelações, mas eu abandonei os livros do Lemony por que as histórias começaram a parecer sempre as mesmas nos livros. Porém, confesso que ainda tenho vontade de ler tudo só pra entender os segredos por trás dos órfãos e o Conde Olaf.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Esse é um dos livros que eu mais gosto da série por conta da apresentação dos irmãos Quagmire, não lembro direito das minhas impressões sobre a Carmelita nos livros, mas eu odiei ela na segunda temporada da série da Netflix e gostei dela na terceira asuhsuahsaushua

    Beijão
    https://deiumjeito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi
    que bom que adora esse livro, e ele tem pouca página deve dar pra ler rapidinho, coitado desses irmão sempre sendo perseguidos pelo Conde, fora que sempre estão em perigos, gostei da resenha, confesso que já tive vontade de ler essa série no passado, hoje em dia não me chama tanto atenção.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Adorei a resenha e todo o blog!

    O centúdo daqui é bom demais, já quero acompanhar.
    Não li ainda nenhum volume desta série, mas quero em breve.

    Já sonho em ver meus romances aqui. Se você fizer parceria, me envia um oi lá no insta <3
    https://instagram.com/barretoraphaela_

    Rapha
    https://mylife-rapha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Ahhh, eu tenho tanta vontade de ler essa série! Uma amiga minha leu e disse que é mara. Preciso conferir tb!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    Romantic Girl

    ResponderExcluir
  12. Oi Lau, tudo bem?
    Eu acho que teria adorado essa série quando era mais nova. Eu era superfã desse tipo de livro mais fantástico e cheio de aventuras. Acabei assistindo ao filme e, quando tentei ver a série da Netflix, não deu match. :(
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir

Oi! Primeiramente gostaria de agradecer a sua visita! Fico feliz em ver que quer deixar um comentário, sinta-se em casa!
Pode opinar à vontade e expor suas opiniões, só não vamos gerar brigas e discussões desnecessárias, ok?
Não se esqueça de deixar o link do seu blog para que eu possa visitá-lo também, e se gostou do Estante Bibliográfica não esqueça de seguir! Ajuda muito na divulgação ♥
Um beijo e volte sempre!