Resenha: Crepúsculo - Stephenie Meyer



Título do livro: Crepúsculo

Autor(a): Stephenie Meyer

Editora: Intrínseca

Número de páginas: 480

Está disponível no Kindle Unlimited? Não

Sinopse: Crepúsculo poderia ser uma história comum, não fosse um elemento irresistível: o objeto da paixão da protagonista é um vampiro. Assim, soma-se à paixão um perigo sobrenatural temperado com muito suspense, e o resultado é uma leitura de tirar o fôlego. Um romance repleto das angústias e incertezas da juventude - o arrebatamento, a atração, a ansiedade que antecede cada palavra, cada gesto, e todos os medos.


Isabella Swan chega à nublada e chuvosa cidadezinha de Forks - último lugar onde gostaria de viver. Tenta se adaptar à vida provinciana na qual aparentemente todos se conhecem, lidar com sua constrangedora falta de coordenação motora e se habituar a morar com um pai com quem nunca conviveu. Em seu destino está Edward Cullen.


Lindo, perfeito, misterioso ele é à primeira vista, hostil à presença de Bella - o que provoca nela uma inquietação desconcertante. Ela se apaixona. Ele, no melhor estilo "amor proibido", alerta: Sou um risco para você. Ela é uma garota incomum. Ele é um vampiro. Ela precisa aprender a controlar seu corpo quando ele a toca. Ele, a controlar sua sede pelo sangue dela. Em meio a descobertas e sobressaltos, Edward é, sim, perigoso: um perigo que qualquer mulher escolheria correr.


Nesse universo fantasioso, os personagens construídos por Stephenie Meyer - humanos ou não - se mostram de tal forma familiares em seus dilemas e em seu comportamento que o sobrenatural parece real. Meyer torna perfeitamente plausível - e irresistível - a paixão de uma garota de 17 anos por um vampiro encantador.




Resenha: Tem quem ame e tem quem odeie, mas é inegável o fato de que Crepúsculo foi o responsável pela formação de milhares de leitores. A narrativa sobre uma adolescente humana que se apaixona por um belíssimo vampiro centenário, fez tanto sucesso que a série ganhou uma adaptação ao cinema e conquista fãs até hoje.


 Depois do lançamento de Sol da Meia-Noite, fiquei com vontade de ler a série completa já que parei na metade de Lua Nova. A primeira vez que li Crepúsculo tinha uns 10/11 anos de idade, então já é de se esperar que eu não lembrasse de muita coisa haha. Por isso realizei uma releitura e vim trazer as minhas impressões.

 

"Nunca pensei em como iria morrer, mas morrer no lugar de alguém que eu amo me parece uma boa maneira de partir."

 A narração é responsabilidade de Bella Swan, nossa protagonista. Ela decide ir para Forks passar uma temporada com seu pai após sua mãe casar de novo e está totalmente infeliz. Ela nunca gostou muito da cidade, que é chuvosa e nublada a maior parte do tempo e a ideia de ir para um novo colégio lhe causa náuseas.

 

 Mas logo no primeiro dia ela conhece os Cullen: uma família misteriosa e bonita que atrai todos os olhares. Ela fica fascinada especialmente por Edward. E após um estranho acontecimento na aula de Biologia, ela começa a perceber que há algo errado com eles e descobre que são uma família de vampiros. Mas isso também implica que ela está correndo um terrível perigo, que só vem a se revelar quando já é tarde demais...

 

"Eu já te disse que você não se enxerga claramente. Você não é como ninguém que eu já conheci. Você me fascina."

 Acho incrível como a cada releitura de um livro eu acabo mudando minha opinião para alguns aspectos. Apesar do romance entre Bella e Edward ser lindo e icônico, não tinha me dado conta de como alguns aspectos são tóxicos. Como por exemplo o Edward ficar dando ordens para ela o tempo inteiro (Coma isso, vista isso, faça aquilo e etc) e ficar vigiando enquanto ela dorme. Ele é bem sarcástico em alguns momentos e tirando seus problemas de personalidade, gostei de conhecer esse lado dele.


  A Bella é extremamente perceptiva e ouso dizer corajosa também. Ela basicamente descobriu tudo sobre o Edward sozinha! Ainda a considero um tanto sem graça e claramente tem alguns problemas com autoestima. Mas isso é conversa para outro post.

 

"De três coisas eu estava convicta. Primeira: Edward era um vampiro. Segunda, havia uma parte dele - e eu não sabia que poder essa parte teria - que tinha sede do meu sangue. E terceira, eu estava incondicional e irrevogavelmente apaixonada por ele."



  Além disso, os personagens secundários são extremamente importantes para a construção do enredo. Charlie - um ótimo pai apesar das dificuldades em cuidar de uma adolescente, Jacob - o amigo mais novo que tem interesse na Bella, Jéssica - a amiga invejosa e chata... Cada um exerce seu papel e contribui para tornar a história o que ela é.


 Concluindo, eu amei relembrar esse romance! Algumas vezes a leitura se arrastou, mas considerando o número de páginas já era de se esperar que isso fosse  acontecer. Apesar dos pesares, mal posso esperar pelos próximos volumes!



10 comentários:

  1. Só conheço a serie, não li os livros.

    Boa semana.
    Coisas de Feltro

    ResponderExcluir
  2. Oi, Laura! Tudo bom?
    Eu gosto de Crepúsculo ao mesmo tempo que desgosto. Esse ano li Vida e Morte e NOSSA se a história fosse aquela seria tão mais legal, o genderbent funcionou demais (tenho problemas com o Edward que nem aguentei Sol da Meia Noite...)
    Adorei sua resenha nostálgica!

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu li esse livro na minha adolescência e amei, haha. Hoje eu já acho que não faz mais meu estilo. Mas não vou dizer que é um livro ruim. Eu acho ele muito bom, haha.

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  4. Como me deu vontade de deitar agora na cama e assistir toda a saga Crepúsculo hoje mesmo. Que nostalgia, que filme e que livros. Amei demais a sua resenha e espero que faça de todos os livros da saga.
    Beijos.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi!

    Lembro de quando li Crepúsculo e lembro de ter tido uma reação bem neutra. Na minha visão, toda aquela fama era por causa do filme, pois o livro é bem "normal"... Não é ruim, mas não é avassalador como muitos dizem por aí. É bem quatro (ou três) estrelas mesmo.
    Tenho alguns problemas com os personagens, mas nada que prejudique a história. Por exemplo: acho improvável que um homem com mais de 100 anos tenha um interesse (além do carnal) por uma adolescente... ainda mais alguém com a personalidade da Bella. Isso é só coisa minha, é claro. Sei que tem o "sobrenatural" envolvido nisso. O importante é que criou muitos leitores ;)

    Até!
    https://nsmoraes.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Ei, Laura, tudo bem? Eu nunca li esses livros, mas esses eles realmente deixaram a sua marca no mundo, independente das críticas positivas ou negativas. Eu só vi os filmes, e na época eu amava, mas atualmente eu acho a Bella dos filmes sem graça e pouco cativante, mas às diferenças entre uma adaptação e o livro costumam ser gritantes, quem sabe um dia eu resolva ler os livros para ver se eu tenho uma mudança de opinião, que bom que você gostou do livro apesar de algumas ressalvas.


    Books House

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Eu estou lendo Sol da meia noite, mas confesso que algumas partes eu estou um pouco agoniada haha Mas de modo geral eu gosto da história. Crepúsculo como você bem disse fez muita gente pegar gosto pela leitura e isso foi incrível.
    abraços,
    Ava
    https://apenasava.com/

    ResponderExcluir
  8. Laura, eu lembro que na época eu devorei a saga inteira em menos de um mês, se não me engano. Mas confesso que hoje a minha percepção mudou muito. Não é cuspir no livro que eu li (hahaha), mas acho que não embarcaria novamente não. Teve sua importância, sem dúvida, mas sei lá hahaha. Porém, quando passa os filmes, às vezes, paro e assisto e tenho boas lembranças. :)

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  9. Eu li na adolescência e amei. Fui tentar ler O sol da meia-noite e desisti no começo, justamente por perceber coisas que não percebi antigamente.
    Acho que tirando todo o lado 'problemático', essa saga foi fundamental e muito importante para muitos leitores atuais.
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, Laura! Que bom que a leitura tenha sido boa para você. Me parece uma boa obra. Gostei da capa dele também. Sua resenha está muito bem feita. Adorei. Abraço!

    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Oba! Leu o post e quer comentar? Fico muito feliz em saber! Não se esqueça de deixar o link do seu blog e/ou site para que eu possa retribuir.
Comentários como "Amei seu blog, sdv?" serão ignorados! Leia o post e seja gentil ♥